Carregando
análise › 3ds 
Sonic Generations
escrita por Ivan Nikolai Barkow Castilho

Sonic Generations no Nintendo 3DS é um tanto quanto estranho, por assim dizer. Parece estampado que é um título feito rapidamente para acompanhar as festas de 20 anos de Sonic. É um jogo que possui seus altos e baixos, mas fica óbvio a sensação de "podia ser mais que isso".



Ao contrário da versão para os outros consoles e PC, a de 3DS é única. Ainda existem os dois Sonic - moderno e clássico - representados aqui pela velocidade com que andam, basicamente. A história é a mesma, mas no 3DS ela é contada por caixas de texto, como acontecia em Sonic Rush Adventure. As fases também diferem da versão em alta definição. E é aqui que começam os problemas do jogo.

Primeiramente, os dois Sonic. Um, o clássico, é exatamente o que você pensa: possui apenas o Spin Dash no início (aperte para baixo e pulo para girar rapidamente e ganhar velocidade), mas mais tarde, no decorrer da aventura, recebe o Homing Attack (ataque característico do Sonic moderno - acerte o inimigo após pular, apertando pulo novamente). Já o outro, moderno, não possui o Spin Dash, mas possui o Boost (segure um botão e Sonic correrá bastante, enquanto a barra permitir - e que é preenchida com anéis e inimigos derrotados). Ambos são 2D na versão de 3DS. Mas o Sonic moderno, apesar de querer lembrar jogos como Sonic Rush, consegue acabar mesclando um pouco dos elementos da versão HD, principalmente a câmera, que em certos momentos muda de posição. Mas 99% dos momentos é em 2D.



Agora, as fases. Na versão HD (a comparação é inevitável, como o leitor pode perceber), as escolhas possuem uma lógica. São três fases escolhidas por "eras" (Mega Drive, Dreamcast/GameCube, PS3/360), separadas por chefes dessas eras. No caso do 3DS, as escolhas foram completamente aleatórias. As três primeiras pertencem à era Mega Drive, com chefes delas. Porém, a segunda era só possui apenas duas fases (de Dreamcast) e ainda por cima uma dela é com Sonic, só que originalmente jogamos com Shadow em Sonic Adventure 2 - há até um erro na "história", na qual Sonic dizia que já passou por essa fase que a conhecia bem. Por fim, a "era moderna" possui a representação de uma fase de Sonic Rush, seguida com outra de Sonic Colors (também de DS). Em outras palavras, "do nada" temos fases dos jogos portáteis aqui. Por que a escolha inteira das fases não foi baseada nos portáteis? Há material suficiente para isso em todas as eras. Ou por que a lógica que existia até então não foi seguida e uma fase de Sonic Unleashed ou Sonic 2006 foi escolhida? Como a versão HD o fez. A escolha de fases é um tanto quanto estranha e nota-se que poderia ter sido mais feliz.

Uma última comparação em relação às fases da versão HD com a de 3DS: todas as fases da versão HD não são idênticas às originais. Elas possuem inspiração nelas e, assim, são criadas fases com diversos elementos iguais, mas não "exatamente" iguais. Infelizmente, as três fases de Mega Drive no 3DS, por exemplo, são idênticas às originais.

Os gráficos das fases são interessantes em 3D, porém, mas percebe-se um certo vazio nelas. Há poucos elementos na tela, pouca "vibração". Por outro lado, as músicas empolgam.

O esquema de jogo é simples: jogue as fases em seus dois atos (clássico e moderno), vença um rival e um chefe (em cada "era") e pegue uma esmeralda em cada fase. As esmeraldas são coletadas em uma fase bônus divertida e que segue a mesma lógica da fase especial de Sonic Heroes.



Algo que não se pode reclamar é a longevidade do título. Após finalizá-lo, há um Time Attack (complete as fases no menor tempo possível) e até mesmo um modo Versus, para se jogar com seus amigos, tanto online quanto offline.

Mas o que você mais passará tempo jogando são as missões. Existem 100 delas. Algumas são liberadas quando se joga o modo história, mas a grande maioria custa 5 Play Coins (as moedas obtidas por se caminhar com o 3DS). Você pode, inclusive, gastar outras 5 Play Coins para deixá-la "completada". Cada missão libera um extra em outra seção do game: a de colecionáveis, que contém artworks, músicas e até mesmo modelos tridimensionais dos personagens - algo que é bem feito no game. Não tem como destravar o Sonic the Hedgehog original de Mega Drive, infelizmente, como acontece na versão HD.



Sonic Generations é um título limitado e feito às pressas. Enquanto a versão HD agradou muito o público, a de 3DS deixou a desejar. Possui potencial para ser muito melhor do que é, mas o que ela fornece gera certa diversão. Você se divertirá finalizando a história uma vez e completando as missões (se estiver disposto a gastar Play Coins), mas é isso. Fãs devem checar o game para tirarem suas próprias conclusões, mas quem não é, é melhor esperar por um outro título do ouriço.




6,5


comentários
Nenhum comentário encontrado.

Apenas usuários cadastrados podem comentar.

Se deseja realizar seu cadastro, clique aqui.

Login de usuário


Lembrar?

wii u brasil no youtube

análises recentes
Lone Survivor
wiiu    4
Art of Balance
wiiu    5
Hyrule Warriors
wiiu    12
SteamWorld Dig
wiiu    2
Shut the Box
wiiu    5
Master Reboot
wiiu    4
Mario Kart 8
wiiu    57
Shovel Knight
wiiu    6